Tal qual o ar que respiramos, sei que Deus existe, ainda que não possa vê-lo... Sim, Jacque, eu ainda te amo! Por favor, me perdoa...

domingo, 22 de novembro de 2009

Conciência Negra


A minha conciência é negra
mais que o tom da minha pele,
e ainda que o inferno congele
será sempre negra, por que
não vim pra trazer a paz,
eu vim pra trazer a espada,
eu vim pra por fogo na terra,
por mim já estaria queimada
Eu sou uma ovelha negra
no meio de brancos chacais
e bodes que pisoteiam
o pasto que a terra nos traz
Vinde a mim os que estão cansados,
vinde a mim sobrecarregados,
unamo-nos contra a injustiça
e contra seus aliados
contra o príncipe deste mundo,
suas potestades e principados

Nenhum comentário: