Tal qual o ar que respiramos, sei que Deus existe, ainda que não possa vê-lo... Sim, Jacque, eu ainda te amo! Por favor, me perdoa...

sábado, 1 de dezembro de 2007

AMORTO !







amor

morto

aborto

amorto

amor

morto

aborto

amorto

2 comentários:

jACQUELINE disse...

uAU! EU NUNCA TINHA VISTO ISSO COM AS PALAVRAS... MUITO BOM!

Cesar Crash disse...

Gracias.