Tal qual o ar que respiramos, sei que Deus existe, ainda que não possa vê-lo... Sim, Jacque, eu ainda te amo! Por favor, me perdoa...

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

12 de Outubro: Criança, a alma do negócio


Dia da criança: consumismo, farsa comercial!
Minha filha vai estudar
é na boca da favela,
por que escola de playboy
nunca vai ensinar pra ela

tudo o que eu aprendi
por nascer onde nasci,
por crescer onde cresci,
por viver onde vivi.

E se ela não aprender
nenhum de seus teoremas,
nenhum de seus postulados,
para mim não tem problema...

Pelo menos não vai ser
uma pequena fascista:
tendo a pele morena
com uma mente racista!

E quem tiver que entender,
com certeza já entendeu;
que se fo dane a sensura,
cala a boca já morreu!!!!!!!!!


Uma pesquisa da empresa de segurança digital AVG apontou que 81% dos bebês de até dois anos de idade de 2 mil mães entrevistas em 10 países da América do Norte, Europa, Oceania e Japão possuem perfil em uma rede social. O estudo incluiu os perfis no Facebook e no Twitter com imagens de ultrasons e e-mails cadastrados no nome do bebê. Quando a análise se foca somente nos EUA, esse número se eleva para 92%, enquanto que, na Europa, ele cai para 73%.

2 comentários:

FrZ+ disse...

A sua única proibição é "não chinga a mãe", mas temos aqui ao menos uns 165.000 mães quem achavam que um conta e perfil para um bebé com menos de dois anos era uma boa ideia... que tipo de idiocia é isto?

Cesar Crash disse...

Desculpa, mas eis ai um comentário que eu não entendi.